Alex Garcia se lesionou na primeira partida entre Bauru Basket e Vasco. Foto: Paula Reis
Alex Garcia se lesionou na primeira partida entre Bauru Basket e Vasco. Foto: Paula Reis

O Sendi/Bauru Basket recebeu uma notícia nada agradável às vésperas de sua estreia nas quartas-de-final do NBB 10 contra o Sesi Franca Basquete. O clube anunciou, neste sábado, que o capitão do time precisará passar por uma cirurgia para reconstrução do ligamento cruzado anterior do joelho direito. O período de recuperação pode variar de seis a oito meses, afastando-o não só do restante desta temporada, mas também do início da próxima.

Alex Garcia se lesionou no último quarto da primeira partida contra o Vasco, quando se “embolou” com o pivô Lucas Mariano. Ele já havia marcado 23 pontos e mostrava grande forma. Nos três jogos seguintes, não atuou, e o Bauru Basket sofreu para fechar a série em 3 a 1. A classificação só veio no jogo 4 graças a uma cesta espetacular de Duda no último segundo da prorrogação.

Aos 38 anos, Alex Garcia segue com condicionamento físico e técnico invejáveis. Entretanto, tem sofrido com lesões nesta temporada. Atuou apenas 24 vezes, o menor número de sua carreira, e teve média de 14 pontos, bem abaixo dos 17.4ppj que teve no NBB 9, quando o Bauru Basket foi campeão. Na Liga das Américas, perdeu três jogos por conta de um problema no intestino que também o tirou dos dois jogos da Seleção Brasileira em Goiânia, no mês de fevereiro. O “Brabo”, além de fundamental para sua equipe, também é homem de confiança do técnico da Seleção, Aleksandar Petrovic.

– Leia também: Mogi vence Caxias fora de casa pelas quartas do NBB

Confira a nota oficial enviada pelo Bauru Basket sobre Alex Garcia

O Sendi/Bauru Basket informa que:

O ala Alex Garcia teve uma ruptura do LCA (ligamento cruzado anterior) do joelho direito e terá que passar por um procedimento cirúrgico no local.

O Departamento Médico da equipe, juntamente com a diretoria e com o consenso do atleta, optou por uma cirurgia, já que após algumas semanas de tratamento intensivo e conservador, foi constatado que a melhor opção seria a reconstrução do LCA para a solução definitiva do problema.

A cirurgia ocorrerá na próxima semana, porém, sem data e local definido.
O tempo previso de recuperação após o procedimento médico é de 6 a 8 meses.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui