O jogo coletivo e individual não foi dos melhores. Mas é preciso saber ganhar quando o desempenho não é o esperado. A Rússia conseguiu isso e eliminou a Grécia, nesta quarta-feira, em Istambul, na Turquia: 74 a 69. O time russo se garante na semifinal da EuroBasket e irá enfrentar a Sérvia, nesta sexta-feira, às 15h30.

A Rússia nem de longe lembrou o time que atropelou a Croácia nas oitavas de final. O jogo não fluiu. Até defensivamente a equipe não teve o mesmo desempenho. Mas soube sofrer, ficou 13 pontos atrás e contou com o “cara”. Aleksei Shved, destaque russo na EuroBasket.

Shved, por sinal, explica muito bem como foi a atuação russa contra a Grécia. A pontuação dele foi digna de craque: 26 pontos, mas o desempenho… Ele acertou sete dos 22 arremessos tentados (falhou em nove dos 11 de três pontos), com 31,8% de aproveitamento, e cometeu sete erros. Mesmo assim, foi o nome responsável pela reação da Rússia. Timofey Mozgov, do Brooklyn Nets, terminou o duelo com um duplo-duplo de 15 pontos e 10 rebotes.

A frustração da Grécia é maior ainda pela atuação que teve em boa parte do jogo, em que conseguiu frear a Rússia e ser superior. Os gregos abriram 13 pontos de frente, mas levaram a virada. Calathes, com 25 pontos e sete assistências, foi o destaque do time. Printezis marcou 19.

Shved decide na EuroBasket

A Grécia foi superior no primeiro tempo, conseguindo conter Shved, além de ter eficiência no ataque, inclusive encaixando contrapolges. Não demorou para o time grego abrir vantagem, que chegou a ser de 13 pontos.

A Rússia penou no primeiro tempo. Shved, destaque do time na EuroBasket, teve atuação discreta. Ele fez apenas quatro pontos e distribuiu quatro assistências (aproveitamento de 17% dos arremessos tentados). Além disso, cometeu quatro erros.

Sob a batuta de Printezis (12 pontos) e Calathes (dez pontos e seis assistências), a Grécia levou seis pontos de vantagem para o intervalo: 37 a 31. Mozgov foi o destaque russo na primeira etapa, com 11 pontos.

Shved “acordou” no terceiro quarto. O armador em momento algum deixou de procurar o jogo e de tentar, mas os arremessos passaram a cair no terceiro período, no qual fez 13 pontos. A Rússia conseguiu virar o duelo. A partida ganhou em emoção. No último quarto, a Grécia teve chance de virar, mas falhou. Os russos sacramentaram a vitória e a classificação para a semifinal.

COMPARTILHAR
O Basquete360.com tem a missão de oferecer aos leitores informações de qualidade sobre tudo o que acontece no mundo da bola laranja. Nossa missão é mostrar "basquete por todos os ângulos" em uma cobertura multimídia e interativa. Participe conosco comentando e seguindo nas redes sociais.