Basquete360.com

Europa

Duelo de invictos e repeteco de peso: semifinais da EuroBasket

Vinte seleções e muitos craques ficaram pelo caminho. A EuroBasket está perto do momento de consagração. Espanha, Eslovênia, Rússia e Sérvia continuam na briga pelo sonhado título. As semifinais prometem ser de arrepiar. Tem duelo de invictos e repeteco da primeira fase. Claro, com muitos astros em quadra e certeza de emoção.

LEIA MAIS: Sérvia elimina a Itália e se classifica para a semifinal da EuroBasket

Espanha e Eslovênia se enfrentam nesta quinta-feira, às 15h30, em Istambul, na Turquia. Na sexta, também às 15h30, é a vez do duelo entre Rússia e Eslovênia. Entre no clima das semifinais!

Duelo de invictos na EuroBasket

Uma semifinal que poderia muito bem ser uma final. Porém, o chaveamento definiu um “encontro prematuro” entre Espanha e Eslovênia. As duas equipes estão invictas na EuroBasket. De um lado, a atual campeã tenta justificar a condição de favorita. Do outro, o time esloveno liderado por uma dupla que tem dado o que falar. Expectativa de um jogão.

O elenco da Espanha assusta e é a principal arma na EuroBasket. O time espanhol sobrou na fase de grupos, na qual teve o primeiro teste de fogo e venceu a Croácia. Depois, eliminou a anfitriã Turquia e Alemanha, mostrando frieza e qualidade de sobra.

LEIA MAIS: Espanha se classifica com show do pivô Marc Gasol

A vitória sobre o time alemão, pelas quartas de final, ilustra bem o poderio da Espanha. O jogo demorou a fluir, estava encardido, mas tudo mudou num piscar de olhos. Rapidamente, os espanhóis assumiram o controle do jogo e abriram vantagem. Outra característica ficou evidente: “protagonismo rotativo.” Marc Gasol acabou com a partida, com uma atuação de gala. Pau Gasol já foi decisivo, assim como Ricky Rubio, Sergio Rodriguez… é um elenco que pode fazer a diferença.

Dupla lidera a Eslovênia

A campanha da Eslovênia também é irretocável. Na fase de grupos, Dragic, Doncic & Cia. já mostraram que poderiam chegar longe. O time esloveno avançou na primeira colocação, superando França, Finlândia e Grécia. A equipe sobrou contra a Ucrânia nas oitavas de final e foi colocada à prova contra a Letônia. Foi uma vitória para encher de moral.

O sucesso da Eslovênia passa pelo talento de Goran Dragic, armador do Miami Heat e maestro do time. Ele tem média de 21,9 pontos e 5,4 assistências na EuroBasket. Um conhecido da Espanha é outro destaque da equipe: Luka Doncic, do Real Madrid. Doncic foi protagonista, ao lado de Dragic, na vitória sobre a Letônia.LEIA MAIS! Dragic elogia Doncic: ‘Provavelmente, é o melhor atleta entre 18 a 25 anos’

Doncic, de apenas 18 anos, mostra por que é cotado para ser o número 1 do Draft de 2018. Ele tem média de 15,7 pontos, 7,7 rebotes (o melhor do time no fundamento) e 3,1 assistências. Anthony Randolph, Klemen Prepelic e Gasper Vidmar formam a tropa de choque da Eslovênia na EuroBasket.

LEIA MAIS: Doncic e Dragic superam Porzingis e classificam a Eslovênia

No duelo dos números, a Espanha sai na frente. O time espanhol leva a melhor nas bolas de três pontos (aproveitamento de 42,1% contra 33%), rebotes (média de 43,6 contra 39,4), assistências (24,7 contra 18,1), tocos (4,1 contra 3,6) e pontos vindos do banco (38,9 contra 29,7). A Eslovênia supera a rival nos arremessos de dois pontos (54,7% contra 52,4%), lance livre (80,7% contra 78,4%) e roubadas de bolas (11,6 contra 10,3).

Rússia x Sérvia: duelo de tirar o fôlego

A outra semifinal da EuroBasket, entre Rússia e Sérvia, também promete ser de arrepiar. O confronto já aconteceu na primeira fase (com vitória russa) e agora se repete na briga por uma vaga na decisão. 

A Rússia conta com o cestinha da EuroBasket para buscar a vaga na final. Aleksei Shved é o protagonista do time e o dono do pedaço. O armador tem a feito a diferença desde a primeira fase, quando o time russo avançou na terceira colocação, mas com a mesma campanha que a Sérvia e Letônia (quatro vitórias e um empate – a decisão foi no saldo de cestas).

LEIA MAIS: Rússia sofre, mas bate a Grécia e se garante na semifinal da EuroBasket

Shved foi o nome da Rússia na vitória sobre a Grécia, nas quartas de final, e também no duelo contra a Croácia, nas oitavas. O armador concentra as ações ofensivas russas, sempre chamando a responsabilidade. Ele tem média de 24 pontos e 6,4 assistências. O armador conta com um “coadjuvante de altura”. O pivô Timofey Mozgov, de 2,16m e do Brooklyn Nets, tem média de 13,6 pontos e 6,9 rebotes.

Olho nele! Shved tem feito a diferença para a Rússia na EuroBasket | Foto: Fiba / Divulgação

A defesa russa é outra arma. O time tem se notabilizado pela intensidade, sempre tentando dobras e forçando erros dos rivais. Foi assim que atropelou a Croácia nas oitavas de final.

Bogdanovic x Shved na EuroBasket

A Sérvia não fica atrás no quesito talento. O ala-armador Bogdan Bogdanovic é o nome do time, com média de 19,7 pontos, 5,1 assistências e 4,1 rebotes na EuroBasket. Há equilíbrio até entre os gigantes. Boban Marjanovic, de 2,22m e do Detroit Pistons, tem 12,6 pontos e 4,9 rebotes até aqui.

O time sérvio, apesar da derrota para a Rússia na fase de grupos, entrou com moral no mata-mata e deixou para trás a Hungria e a Itália. Agora, tem a revanche para se consolidar de vez no torneio.

Bogdanovic é o cestinha e líder da Sérvia na EuroBasket | Foto: Fiba / Divulgação

De qualquer modo, a Sérvia mostra seu potencial e continua na batida de protagonista na modalidade. É a atual vice-campeã olímpica e mundial. Nas duas ocasiões, perdeu para os Estados Unidos.Nos números, a Sérvia leva a melhor na comparação com a Rússia. Porém, o equilíbrio chama atenção. O time sérvio vence nos quesitos aproveitamento nas bolas de dois pontos (54,3% contra 52,1%), rebotes (39,6 contra 33,7), assistências (21,4 contra 18,1), tocos (dois contra 1,9) e pontos vindos do banco (34,9 contra 28,1). Os russos ganham nas bolas de três pontos (aproveitamento de 32,6% contra 32,5%), lances livres (80,3% contra 77,6%) e roubadas de bola (7,3 contra 7,1).

Mais Lidas


Últimas Notícias

O Basquete360.com é o maior portal exclusivamente sobre basquete no Brasil. Nossa missão é trazer uma cobertura completa do esporte, desde a NBA até as divisões de base. Aqui você vai encontrar notícias, entrevistas exclusivas, vídeos, fotos, crônicas de jogos e opinião sobre o melhor esporte do mundo.

Facebook

Copyright © 2017 Basquete360.com

Topo